Confira as nossas newsletters Galeria de vídeos

Cotação

0 items

Busca no site

Notícias

segunda-feira, 13 de setembro de 2021

Como não cair no Ataque da Mão Fantasma?

Uma nova maneira de ataque hacker permite que criminosos tenham controle dos smartphones das pessoas. A prática é chamada de "Ataques da Mão Fantasma" e são o mais recente produto de exportação dos criminosos brasileiros. E Isso por conta do perigo da ação.

É uma nova categoria de malware de alto risco nascido no Brasil e já perturba vítimas internacionais. Acontece da seguinte forma: você abre o celular, tenta desbloqueá-lo e a tela está toda preta. Então você repete o padrão de desbloqueio e a interface permanece a mesma. Porém, não se lembra de ter aberto o aplicativo bancário nos últimos segundos. Nessa altura o seu saldo esgotou.

O especialista em segurança digital, Arthur Igreja, explica que as empresas focadas em segurança estão atentas aos golpes e com isso, notaram que o Ataque da Mão Fantasma estava sendo praticado a partir do Brasil.

"Eles concedem acesso remoto, por isso é preocupante, basicamente o que acontece é que você instala um aplicativo invisível e a partir disso, o criminoso tem total acesso ao smartphone", esclareceu sobre o que os malwares fazem. De acordo com Igreja, é um dos piores tipos de ataque.

Para saber se está correndo esse perigo e evitar cair no Ataque da Mão Fantasma, ele deu duas dicas fundamentais:

Se notar uma movimentação estranha e inesperada possivelmente já caiu no golpe;
Instalar os aplicativos de segurança para que seja indicado se esse tipo de ferramenta existe no seu celular.
"É importante buscar esses aplicativos de segurança ampla" e " ter muito cuidado com qualquer tipo de link e sms, no caso desse golpe, estão até ligando para as vítimas" complementou. Além disso, para o especialista, o principal para se proteger do Ataque da Mão Fantasma é manter todo o sistema atualizado e hábitos seguros, como adotar senhas robustas e não acessar sites suspeitos.

Fonte: OLHAR DIGITAL

Voltar